• Bruno Nunes

A CHAPA ESQUENTOU PARA O FINLANDÊS

Em seu último ano de contrato com a Mercedes, Valtteri Bottas ainda não conseguiu demonstrar um desempenho nas pistas que valesse sua renovação com a equipe alemã.


Valtteri Bottas segue pressionado na Mercedes. (Foto: AFP)

Após um início arrebatador com duas vitórias nas quatro primeiras corridas da temporada, o finlandês parece ter perdido o gás nas últimas etapas, colocando em xeque seu futuro na Mercedes. A situação nos bastidores da equipe veio à tona após as declarações de Toto Wolff, chefe da escuderia ao site ‘Motorsport Total’.


Todo piloto de F1 sabe que se não corresponder, sempre vai ter outro alguém. Valtteri sabe que ele tem de corresponder, ele está em uma equipe onde pode conquistar um título e ele diz que também quer.

Afirmou Wolff.


Bottas ocupa a segunda posição no Mundial de Pilotos, 31 pontos atrás de Hamilton, porém, o piloto não vence uma corrida desde o GP do Azerbaijão no dia 28 de abril. De lá para cá o desempenho do finlandês ficou abaixo das expectativas, o que fez o piloto perder terreno em relação aos demais pilotos que lutam na parte de cima do grid.


Enquanto Bottas se vê pressionado, seu atual reserva na Mercedes, Esteban Ocon, segue na disputa por uma vaga como piloto titular. No último dia 28, o piloto francês entrou em ação no simulador da equipe em Brackley na Inglaterra, percorrendo uma distância equivalente a três corridas. O desempenho rendeu elogios por parte dos diretores da Mercedes.


As próximas etapas irão definir se Bottas ainda reúne condições de brigar pelo título mundial, caso contrário, a vaga como piloto principal do carro #77 pode pertencer a um novo dono em 2020.


Os carros retornam às pistas no próximo final de semana para a realização do GP da Grã-Bretanha no tradicional circuito de Silverstone.


MUNDIAL DE PILOTOS


1) Lewis Hamilton, 197 pontos 2) Valtteri Bottas, 166 3) Max Verstappen, 126 4) Sebastian Vettel, 123 5) Charles Leclerc, 105 6) Pierre Gasly, 43 7) Carlos Sainz Jnr, 30 8) Lando Norris, 22 9) Kimi Raikkonen, 21 10) Daniel Ricciardo, 16 10) Nico Hulkenberg, 16 12) Kevin Magnussen, 14 13) Sergio Perez, 13 14) Daniil Kvyat, 10 15) Alexander Albon, 7 16) Lance Stroll, 6 17) Romain Grosjean, 2 18) Antonio Giovinazz , 1 19) George Russell, 0 19) Robert Kubica, 0

© 2018 WEB RÁDIO DE PRIMA. DESENVOLVIDO POR MVPMOVE

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon
  • Branca Ícone SoundCloud