• Vinicius Rodrigues

A PRIMEIRA AMOSTRA



Foto: César Greco


Pela Flórida Cup, o Palmeiras apenas empatou por 0 a 0 com o Atlético Nacional e venceu nos pênaltis no seu primeiro compromisso do ano. Para o professor Luxemburgo o jogo serviu para fazer testes e ele aprovou o desempenho da equipe.


O velho e conhecido Luxa chegou no Verdão e fez algumas mudanças táticas, talvez a principal delas é utilizar Felipe Melo como zagueiro, o novo capitão foi deslocado para jogar ao lado de Gustavo Gomes e não decepcionou. Não cometeu faltas, desarmou duas vezes, além de três rebatidas. O novo capitão deu 19 passes e não errou nenhum, uma boa apresentação.


Com a provável saída de Matheus Fernandes para o Barcelona, Patrick de Paula ganhou chance para jogar na equipe titular apesar de ter ido bem na partida, sentiu um pouco do nervosismo por ser sua estreia no profissional algo natural. Mas no geral teve um bom desempenho o volante é muito elogiado pelo novo treinador.


Da equipe titular apenas Veiga pode ser questionado por participar pouco, o meia jogou numa função diferente mais aberto pelo lado esquerdo e participou pouco do jogo. Teve uma boa chance para marcar mas foi travado pelo zagueiro adversário. Luxemburgo aposta no meia, até por conta disso pediu sua permanência no clube.


Dudu e Lucas Lima foram os jogadores que mais criaram problemas para a zaga adversária nos primeiros 45 minutos, as jogadas do Palmeiras sempre passaram pelos pés dos dois principalmente do camisa 7, que novamente foi muito incisivo no mano a mano, levou a melhor em quase todos.


Na segunda etapa ficou aquela incógnita se a molecada iria sentir a pressão por estrear no time principal. Luxemburgo trocou os 11 jogadores que iniciaram a partida e voltou com três jogadores promovidos agora para compor elenco, e nenhum decepcionou.


Gabriel Menino que sempre é convocado pela seleção de base foi o destaque, um volante típico camisa 8, joga com a cabeça levantada, erra poucos passes, chega na frente da área, finaliza bem, jogador que deu uma liberdade ao Ramires pra chegar na frente e deu uma movimentação muito boa ao meio-campo do Palmeiras, ótimo jogo do garoto que tem menino no nome e jogou como gente grande.


Gabriel Veron que já disputou algumas partidas final do ano passado entrou e deu profundidade a equipe, o jovem incomodou o lateral esquerdo da equipe colombiana. Veron se mexeu o tempo todo e confundia a marcação, teve em seus pés talvez a melhor chance do Verdão no jogo, mas tirou muito do goleiro.


Outra novidade para o segundo tempo foi o jovem Wesley, o atacante que foi emprestado para o Vitória ano passado e ficou como segundo que mais driblou na série b, mostrou o porque teve boa performance no um contra um. Ontem entrou muito bem, jogador que demonstra ser muito agudo, veloz e pode trazer muitos frutos para o Palmeiras em 2020. Chegou quietinho, mas ontem mostrou que tem qualidade.


O Palmeiras agora volta jogar no sábado (18), contra o New York City ás 16 horas. E já a próxima quarta-feira (22), inicia a temporada de forma oficial contra o Ituano. No primeiro teste da equipe do ano mostrou que apesar das baixas que teve pode sim disputar todas as competições que irá disputar, mesmo com essa mescla da experiência e juventude.

© 2018 WEB RÁDIO DE PRIMA. DESENVOLVIDO POR MVPMOVE

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon
  • Branca Ícone SoundCloud