• Leonardo Cruz

EDWARDS VENCE DOS ANJOS DE FORMA IMPONENTE


Foto: Getty Images

A edição do UFC Fight Night realizada no último sábado (20/07) na cidade de San Antonio, localizada nos Estados Unidos, promoveu treze lutas que empolgaram o público presente na AT&T Arena, com grande destaque para o duelo entre o brasileiro Rafael dos Anjos e o inglês Leon Edwards, luta válida pela categoria meio-médio.


Nas sete lutas disputadas pelo card preliminar, o equilíbrio foi total, nenhum combate foi decidido por knockout ou finalização. Destaque para as vitórias de três lutadores brasileiros. Em disputa válida pela categoria meio-pesado, Klindson Abreu venceu o estadunidense Sam Alvey por decisão unânime e se recupera da derrota para Magomed Ankalaev em fevereiro deste ano. Agora, o brasileiro soma quinze vitórias em seu cartel.


Jennifer Maia também não decepcionou e conquistou sua décima sétima vitória na carreira profissional ao vencer por decisão unânime a estadunidense Roxanne Modafferi. A luta que foi válida pelo peso-mosca não empolgou muito o público, mas mesmo sem demonstrar muita contundência, a paranaense conseguiu ser superior durante os três rounds da luta.


Outro lutador brasileiro que saiu do octógono vencedor foi o amapaense Felipe Cabocão que mesmo com muitas dificuldades venceu Domingo Pilarte por decisão dividida em luta válida pela categoria peso-galo e se recuperou do seu único revés na carreira para o também brasileiro Geraldo de Freitas Jr. no UFC Fight Night 144. Agora, Cabocão tem nove vitórias na carreira profissional.



Foto: Getty Images

Nas lutas válidas pelo card principal, destaque para Greg Hardy que precisou de apenas 45 segundos de luta para vencer Juan Adams por knockout, em disputa pela categoria peso-pesado. Logo nos primeiros segundos, Adams tentou levar o combate para o chão, mas Hardy não só conseguiu defender a tentativa como se aproveitou e conectou uma série de golpes no adversário, sem permitir qualquer chance de defesa, obrigando o árbitro encerrar a luta.


Esta foi a segunda vitória do estadunidense Greg Hardy no UFC e a nona na carreira profissional. Já seu compatriota Juan Adams, com esta derrota chega ao seu segundo revés consecutivo dentro da organização.


Na luta co-evento principal do UFC San Antonio, de forma avassaladora, o estadunidense Walt Harris venceu o russo Alexey Oleynik por knockout em apenas 12 segundos. Logo nos primeiros movimentos do combate, Harris acertou uma combinação de socos e uma brutal joelhada no oponente que sem esboçar reação, já caiu no chão derrotado.


Com esta vitória espetacular, Harris que conquistou seu segundo triunfo seguido no Ultimate alcançou a marca de treze vitórias na carreira profissional, em contrapartida, o russo Alexey Oleynik que já venceu 57 vezes na carreira, agora, soma duas derrotas consecutivas no UFC.



Foto: UFC Divulgação

Na luta mais aguardada da noite, válida pela categoria peso meio-médio, o brasileiro Rafael dos Anjos tentou de todas as formas, mas não conseguiu superar o inglês Leon Edwards e foi derrotado por decisão unânime dos árbitros.


Seguro e confiante desde os primeiros segundos de luta, Edwards soube controlar os ímpetos do brasileiro e também foi agressivo nos momentos decisivos do combate, sendo superior tanto na trocação quanto quando a luta foi para o chão. Rafael até que tentou colocar o inglês em perigo, com diversas tentativas de combinações de golpes, mas o adversário mostrou durante todos os cinco rounds, excelente preparo físico e psicológico, e sendo tão contundente na aplicação dos golpes, que no segundo round provocou um profundo corte no rosto do brasileiro que chegou a necessitar de atendimento médico antes do retorno para o terceiro round.


Nos minutos finais do quinto round, já sabendo da desvantagem na pontuação, Rafael dos Anjos partiu para cima de Edwards para buscar o knockout, mas cansado, não conseguiu provocar maiores danos ao adversário. Com esta derrota, o brasileiro, que não vive bom momento, perdeu três das quatro últimas lutas disputadas no UFC. Já o inglês Leon Edwards, que não perde no Ultimate há quase quatro anos, com este triunfo, alcançou a marca de dezoito vitórias na carreira profissional.


OUTROS RESULTADOS DO UFC SAN ANTONIO:


CARD PRINCIPAL:

Dan Hooker venceu James Vick por knockout no 1º round;

Alexander Hernandez venceu Francisco Massaranduba por decisão unânime;

Andrei Arlovski venceu Ben Rothwell por decisão unânime.


CARD PRELIMINAR:

Alex Caceres venceu Stefen Peterson por decisão unânime;

Raquel Pennington venceu Irene Aldana por decisão dividida;

Ray Borg venceu Gabriel Silva por decisão unânime;

Mario Bautista venceu Jim Soo Son por decisão unânime.

© 2018 WEB RÁDIO DE PRIMA. DESENVOLVIDO POR MVPMOVE

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon
  • Branca Ícone SoundCloud