• filipeq09

EM NOITE DE RIGONI E PABLO, SÃO PAULO GANHA GORDURA NA COPA DO BRASIL


Foto: Divulgação / São Paulo FC - Rubens Chiri

Para muitos o jogo desta quarta, 28, seria equilibrado e não haveria favoritos. Sim, se trata de dois gigantes do futebol brasileiro, São Paulo e Vasco (que mesmo na série B, possui seu respeito). Dentro de campo, as equipe foram aguerridas e fizeram jus ao clássico Rio-SP, mas no fim sobrou o talento dos atacantes do Morumbi.


No início o Tricolor chegava mais ao ataque, perdendo alguns gols e tentando infiltrar a zaga vascaína. Rigoni enfim conseguiu, aos 13 minutos abriu o placar após belo passe de Benitez pelo meio. A tranquilidade São-paulina aumentou com o tento marcado em casa, mas o Vasco ainda tentava chegar com perigo, apesar de não tão efetivo quanto o time paulista.


Na volta do Intervalo a partida se equilibrou, com Lisca encaixando a marcação do Vasco e gerando certo perigo à meta de Tiago Volpi, que fez algumas defesas pontuais, além da zaga ter afastado demais chances de chute. Porém aos 33' veio o prejuízo para o cruzmaltino, após a cabeçada de Pablo (atacante criticado em todas as partidas mas que ganha um pouco de confiança com este gol importante). Era a pá de cal no jogo de ida, definido em 2 x 0, aumentando a pressão dos visitantes para a volta na próxima quarta, 04 às 21:30 em São Januário-RJ.


Resta ao Vasco corrigir os erros e tentar reverter o placar, e ao Tricolor Paulista continuar nesta pegada e promover um melhor trabalho no departamento médico, a fim de ter mais poder de fogo em campo - Arboleda saiu machucado e preocupa para a sequência da temporada. Ficou provado que o time quando está completo (ou quase) rende e se impõe ante os adversários, mas se isso terá sequência não sabemos.