• Leonardo Cruz

LEOAS PRONTAS PARA ENTRAR PARA A HISTÓRIA


Foto: Reuters / Bernadett Szabo

Atual campeã da UEFA Euro feminina, a seleção holandesa está próxima de conquistar pela primeira vez na história a Copa do Mundo e entrar para a seleta galeria de campeãs que conta com Estados Unidos, Alemanha, Japão e Noruega.


Título este, que a seleção masculina busca há muitos anos e mesmo formando grandes times com craques de expressão mundial como Johann Cruyff, Marco Van Basten, Dennis Bergkamp e Arjen Robben, conseguiu conquistar no máximo o vice-campeonato nas Copas de 74, 78 e 2010.


Além de um ótimo desempenho na primeira fase, as duas vitórias que as Leoas conquistaram nas fases de mata-mata, demonstraram que as holandesas estão prontas para qualquer tipo desafio nos jogos finais da competição. Na partida, válida pelas oitavas de final, as japonesas foram superiores e tiveram o domínio de boa parte do jogo, obrigando as jogadoras treinadas por Sarina Wiegman a ter muita aplicação tática e ter a sabedoria necessária para decidir a partida no momento certo.


Já nas quartas de final contra as italianas, a seleção da Holanda controlou completamente o jogo, e principalmente no segundo tempo, soube impor sua maior qualidade técnica para vencer pelo placar de 2x0, com gols de Miedema e Van Der Gragt e se qualificar para a disputa das semifinais da Copa do Mundo.


Além de estarem entre as quatro melhores seleções do mundo, as holandesas também se qualificaram automaticamente para a disputa dos Jogos Olímpicos que serão realizados no próximo ano na cidade de Tóquio.


Nas semifinais, a Holanda vai jogar contra a forte seleção da Suécia, que eliminou a Alemanha com uma vitória de virada por 2x1. Este jogo será realizado na próxima quarta-feira (03/07), às 16h, na cidade de Lyon. No outro confronto que também acontecerá em Lyon na terça-feira, os Estados Unidos, que buscam o tetracampeonato mundial enfrentam a Inglaterra.