• Leonardo Cruz

MIOCIC VENCE CORMIER E RECUPERA O CINTURÃO DOS PESO-PESADOS


Foto: Getty Images

No último sábado (17/08), o croata Stipe Miocic recuperou o cinturão da categoria peso-pesado do UFC ao derrotar Daniel Cormier por knockout. A edição 241 da organização foi realizada em Anaheim, nos Estados Unidos. Em outro combate de grande repercussão, o brasileiro Paulo Borrachinha venceu por decisão unânime o cubano Yoel Romero.


Na luta principal do evento, Danier Cormier era considerado favorito e no primeiro round fez valer este status, controlou o ímpeto do oponente e nos minutos finais do round, com a disputa no solo, castigou Miocic aplicando duros golpes, e por muito pouco, não conseguiu o knockout.


Nos dois round posteriores, Cormier ainda demonstrou superioridade, principalmente nos vários momentos de franca trocação entre os lutadores, o croata por sua vez, aparentava certo cansaço e não conseguia impor seu estilo de luta, sendo pouco eficaz nas tentativas de levar o combate ao solo.


Na volta para o quarto round, Miocic se mostrou mais confiante e aos poucos conseguiu encaixar diversas combinações de golpes em Cormier que passou a aceitar mais as investidas do croata. Faltando pouco mais de um minuto para o final do assalto, Miocic foi mais contundente e encurralou o adversário aplicando uma série de socos até derrubá-lo e conseguir o knockout.


Com esta vitória, Stipe Miocic retoma o cinturão da categoria peso-pesado e chega ao décimo nono triunfo na carreira profissional. Já Daniel Cormier, acrescentou a segunda derrota em seu cartel, a primeira havia sido para Jon Jones, na categoria meio-pesado.


Foto: Getty Images


No co-evento principal da noite, Nate Diaz não deu chances ao seu compatriota Anthony Pettis e venceu por decisão unânime, em disputa válida pela categoria peso meio-médio. Desde os primeiros minutos do round inicial, Diaz imprimiu um forte ritmo, pressionando o adversário e conseguindo aplicar seu jogo com facilidade.


No segundo round, o ritmo do combate se manteve da mesma forma, Diaz que estava afastado dos octógonos há três anos, demonstrava excelente condicionamento físico que aliado sempre a uma boa combinação de socos, chutes e joelhadas, não permitia que Pettis o proporcionasse algum perigo.


Pettis demonstrou estar cansado no último round, o que facilitou ainda mais as coisas para Nate Diaz que em alguns momentos pressionou o ex-campeão contra a grade, aplicando diversas joelhadas. Nos minutos finais, Diaz conseguiu derrubar o adversário, tentou de todas as formas a finalização, mas não obteve êxito nas investidas.


Com a vitória, Nate Diaz retorna ao UFC em grande estilo e agora soma vinte triunfos na carreira. Em contrapartida, Anthony Pettis que vive momentos de instabilidade dentro da organização, sofreu sua sétima derrota nas últimas onze lutas disputadas.



Foto: Getty Images

Em luta eletrizante válida pela categoria peso-médio, o brasileiro Paulo Borrachinha venceu Yoel Romero por decisão unânime dos árbitros e agora sonha em disputar o cinturão da categoria.


No primeiro round, os dois lutadores partiram para o ataque, borrachinha chegou a derrubar o oponente após acertar um potente cruzado de esquerda. Recuperado do knockdown, Romero não se intimidou e balançou o brasileiro com um gancho. A luta era extremamente franca, com boas sequências de golpes dos dois lutadores.


Na volta para o segundo round, Borrachinha tentou controlar o centro do octógono, aplicava mais golpes, mas Romero absorvia bem as investidas do brasileiro. Nos minutos finais do round, o cubano cresceu no combate, chegando a conseguir a derrubada, mas sem obter sucesso na tentativa de finalização.


Romero levou muito perigo no último round, com boas combinações de jabs, colocou o brasileiro em situação delicada. Borrachinha por sua vez, buscava equilibrar a luta, acertando golpes na linha de cintura do rival. Nos minutos finais, os dois lutadores já demonstravam muito desgaste, o cubano chegou a levar a disputa para o chão novamente, mas sem conseguir modificar o resultado final do combate.


Com muitas vaias do público presente no “Honda Center”, Paulo Borrachinha foi declarado vencedor por decisão unânime, conquista sua décima terceira vitória e segue invicto na carreira profissional. Já Yoel Romero sofreu a terceira derrota em quatro lutas disputadas, a segunda seguida no Ultimate.


DEMAIS RESULTADOS DO UFC 241:


Sodiq Yusuff venceu Gabriel Benítez por knockout no 1º round;

Derek Brunson venceu Ian Heinisch por decisão unânime;

Khama Worthy venceu Devonte Smith por knockout no 1º round;

Cory Sandhage venceu Raphael Assunção por decisão unânime;

Drakkar Klose venceu Christos Giagos por decisão unânime;

Casey Kenney venceu Manny Bermudez por decisão unânime;

Hannah Cifers venceu Jodie Esquibel por decisão unânime;

Kyung Ho Kang venceu Brandon Davis por decisão dividida;

Sabrina Mazo venceu Shana Dobson por decisão unânime.

© 2018 WEB RÁDIO DE PRIMA. DESENVOLVIDO POR MVPMOVE

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon
  • Branca Ícone SoundCloud