• filipeq09

O "VOO" DE VAN PERSIE E SHOW HOLANDÊS NA COPA 2014; RELEMBRE


Foto: Reprodução

Era uma sexta feira de estreia das seleções visitantes na Copa do Mundo 2014, realizada no Brasil. A seleção anfitriã já havia jogado, no dia anterior, sofrendo para vencer de virada a até então mediana Croácia por 2 a 1, em Itaquera - palco da grande abertura do torneio.


Uma das partidas desse dia 16 de junho foi o grande clássico europeu entre Espanha e Holanda. De um lado, Iniesta, Xavi e o estreante em Copas Diego Costa (brasileiro naturalizado espanhol e muito vaiado pela torcida brasileira durante toda a campanha do time), do outro Robben, Sneijder e Van Persie. Este último foi o principal destaque da equipe e de toda a partida entre essas gigantes seleções pela primeira rodada.


O atacante holandês iniciou o duelo de forma discreta. O confronto estava bem estudado e os dois times estavam a fim de jogo, um típico enfrentamento do nível de Copa do Mundo. A Fúria abriu o placar quando eram jogados 27 minutos da primeira etapa, após o atacante Diego Costa sofrer pênalti, cobrado e convertido pelo meia Xabi Alonso. Espanha 1 a 0. A torcida, comentaristas e demais envolvidos no evento devem ter pensado: "será uma reedição da final da Copa de 2010, na África do Sul" (na qual a os espanhóis levaram a taça após o magro 1 a 0 e controle total da posse de bola).


Porém, Van Persie tratou de acabar com qualquer prognóstico, quando realizou o improvável. Ao receber belo lançamento do lateral esquerdo Blind, o camisa 9 em vez de dominar e tentar um arremate, impulsionou seu corpo direcionando a bola direto para o gol, resultando em um golaço no ângulo do arqueiro Casillas, que não teve o que fazer senão olhar (a bola entrando e Van Persie "voando" sobre o gramado da Arena Fonte Nova, na Bahia).


A verdadeira acrobacia ficou famosa durante todo o mundial no Brasil e rendeu diversos memes, e claro, homenagens, como a de um artista que o pintou no muro de uma comunidade do Rio de Janeiro. O atleta ganhou o apelido de "holandês voador" e se tornou uma das atrações dessa edição de Copa do Mundo FIFA. Ele encerrou a competição internacional como terceiro artilheiro, tendo 4 gols anotados, e nessa disputa em questão ainda marcou mais um, o último da sonora goleada de 5 a 1 sobre a campeã da edição anterior. Os demais tentos foram marcados por Robben (duas vezes) e De Vrij.


Reveja o lance:

Apesar da bela estreia e de uma campanha sólida, a Holanda mais uma vez ficou no quase. Parou nas semifinais diante da bi campeã Argentina, após a disputa por pênaltis - na qual o goleiro Romero brilhou e garantiu o time de Messi na finalíssima. Mas recordar é viver, então momentos como esses devem ser trazidos a tona para os amantes do bom futebol e seus grandes momentos, coletivos e individuais.


Hoje com 35 anos, o holandês voador deve ter em sua memória, e talvez até em um quadro, o registro desse gol eternizado na história dos mundiais de seleções e dos lances mais incríveis do futebol.

© 2018 WEB RÁDIO DE PRIMA. DESENVOLVIDO POR MVPMOVE

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon
  • Branca Ícone SoundCloud