• Leonardo Cruz

PÓS-JOGO NOVORIZONTINO X PALMEIRAS


Cesar Greco / Ag. Palmeiras / Divulgação

O Palmeiras empatou com o Novorizontino pelo placar de 1x1 na tarde deste sábado, em partida válida pelas quartas de finais do Campeonato Paulista. O jogo foi realizado no estádio Jorge Ismael de Biase, localizado na cidade de Novorizonte.


O Verdão começou muito bem a primeira etapa, conseguindo envolver os donos da casa e criando as melhores oportunidades. Logo aos 2 minutos, Miguel Borja teve grande chance para abrir o placar, após rápida cobrança de lateral em que Dudu percebeu a presença do centroavante livre dentro da área, mas o goleiro Oliveira fez boa defesa, impedindo o gol palmeirense.


A pressão do alviverde continuou e aos 10 minutos, após cobrança de escanteio, Antonio Carlos ajeitou e Borja furou a cabeçada, perdendo novamente clara chance de gol para o Palmeiras. Aos poucos, o Novorizontino foi equilibrando a partida e oferecendo mais perigo ao Palestra. Fernando Prass que havia trabalhado pouco na partida, rebateu um chute forte do jogador Murilo Henrique aos 38 minutos, e no rebote, Cléo Silva não deu chances ao goleiro do Verdão. Detalhe que o jogo só foi reiniciado quando a equipe do VAR validou o gol, a alegação é que Murilo Henrique havia dominado a bola com o braço antes do chute. Com a vantagem no placar, o time do interior conseguir administrar o resultado até o intervalo.


O segundo tempo começou muito equilibrado, aos 11 minutos, situação do Palmeiras quase se complicou, após cruzamento de Danielzinho, a bola bateu na mão do zagueiro Antonio Carlos, mas o VAR não conseguiu chegar a uma conclusão, coube ao árbitro Raphael Claus tomar a decisão revendo o lance no monitor. Pênalti confirmado e Fernando Prass fez linda defesa na cobrança de Murilo Henrique.


Empolgados com a defesa de Prass, os jogadores do Palmeiras partiram para o ataque em busca do empate, e Arthur Cabral que fazia sua estréia não decepcionou, aos 21 minutos, após cruzamento de Lucas Lima, a bola sobrou com o centroavante que dominou e chutou forte sem chances para o goleiro do Tigre. Com o empate no placar, o Verdão tentou nos minutos finais fazer o gol da vitória de todas as formas, mas parou nas boas defesas do goleiro Oliveira.


O jogo de volta irá acontecer na próxima terça-feira, às 21h no estádio do Pacaembu. Se houver novo empate, a vaga para as semifinais será decidida nos pênaltis, se alguma equipe vencer durante os 90 minutos garante a classificação de forma automática para a próxima fase do Paulistão.