Pós-jogo São Caetano x Palmeiras


Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

O Palmeiras venceu o São Caetano na noite deste domingo pelo placar de 2x0 com gols de Borja e Luan, em partida válida pela terceira rodada do Campeonato Paulista. O jogo foi realizado no estádio Anacleto Campanella, na cidade de São Caetano do Sul.


O Verdão teve o controle da partida durante quase todo o tempo, criou as melhores oportunidades, sendo pouco ameaçado pelos donos da casa. O primeiro gol saiu aos 13 minutos, Borja recebeu ótimo lançamento de Moisés, ganhou do zagueiro no corpo e driblou o goleiro Jacsson antes de estufar as redes do Azulão. A partir do gol, o Palmeiras continuou sendo melhor, a grande oportunidade criada pelo time do ABC Paulista, foi aos 38 minutos, em um chute de fora da área de Rafael Marques em que o goleiro Jailson fez boa defesa. Ainda antes do intervalo, Carlos Eduardo fez boa jogada pela direita, no cruzamento a bola desviou no jogador do Azulão e bateu no travessão. A primeira etapa terminou com vitória parcial do Palmeiras por 1x0.


No segundo tempo, o ritmo das duas equipes foi o mesmo, o Palmeiras administrando bem o placar favorável e o São Caetano encontrando muitas dificuldades para criar jogadas que levassem perigo ao gol de Jailson. A situação do Azulão piorou aos 16 minutos, quando o zagueiro Luan recebeu cruzamento de Diogo Barbosa e fez o segundo gol alviverde. Com 2x0 a favor, o Palmeiras continuou criando boas oportunidades, mas não obteve êxito nas finalizações, principalmente com o centroavante Miguel Borja.


Com a vitória, o Palmeiras chegou aos 7 pontos, permanece invicto e lidera o grupo B do Paulistão, já o São Caetano, que conheceu sua primeira derrota, está na última colocação do grupo A com apenas 2 pontos.


Na próxima rodada, o Verdão vai até a Arena Barueri enfrentar o Oeste que está na segunda colocação do grupo do São Paulo. Este jogo será realizado no dia 30/01, às 21h. Já o São Caetano que busca sua primeira vitória, joga na quinta-feira contra o São Bento em Sorocaba.