• Vinicius Rodrigues

PRÉ-JOGO SÃO PAULO X TALLERES


Foto: Gazetta Press


Com placar adverso após a derrota por 2 a 0 no jogo da ida, São Paulo recebe o Talleres-Arg nesta quarta feira (13), às 21h30, no Morumbi. O Tricolor precisa de pelo menos dois gols para levar a disputa para as cobranças de pênaltis, uma vitória com 3 gols de vantagem, garante uma vaga direta para 3a fase da pré-eliminar da Libertadores da América.


Em seu primeiro jogo do ano no Morumbi, São Paulo vai em busca de uma virada histórica, o retrospecto contra os argentinos em seus domínios é animador. O tricolor venceu os 10 jogos contra os hermanos no Morumbi, vale lembrar que em 93 quando a equipe conquistou o bicampeonato nas oitavas de finais despacharam o Newell's na mesma situação que à atual.


O momento não é um dos melhores, a equipe passa por uma situação conturbada. Jardine é pressionado, porém a tradição, a camisa, a história, mesmo não entrando em campo nada disso, são fatores que podem pesar diante de uma equipe modesta da Argentina, mas por outro lado traiçoeira como demonstrou em Córdoba quando venceram o primeiro confronto.


Essa semana os treinamentos foram fechados para imprensa, mistério total na escalação do tricolor. A única certeza, é à ausência do volante Hudson que foi expulso no primeiro jogo, e as voltas de Anderson Martins, e Luan, que ficam à disposição novamente.


O Talleres por sua vez vem preparado para pressão que será exercida pelo São Paulo, e aposta na experiência de alguns jogadores para conter o ímpeto tricolor durante a partida, e quem sabe fazer 1 gol para praticamente liquidar a fatura, obrigando o São Paulo à fazer 4 gols.


Foto: Reprodução


"É muito especial jogar aqui ( Talleres). Foi a principal causa de eu ter saído do Brasil e ter ido para a Talleres. Já cumpri três anos, coisa que eu não esperava. E agora estou aqui neste momento lindo para o clube, para o torcedor. Aqui estamos, frente a um adversário muito complicado, muito bom e esperando amanhã para ver se a gente leva a classificação", relatou o volante Guiañzu que estava no elenco do Internacional em 2010 quando a equipe do Sul eliminou o tricolor no Morumbi.


O técnico Vojvoda também faz mistérios, e não deu pistas para um provável time. Em entrevista concedida, disse que caso decida fazer alguma mudança, será em apenas um ou dois jogadores. No fim de semana a equipe albiazul ficou no empate sem gols contra o Atlético Tucumán, pelo campeonato argentino.


Quem avançar deste confronto irá enfrentar na fase seguinte, o Palestino, os chilenos venceram na noite de ontem (12), o Independiente Medellín nos pênaltis, após dois placares iguais de 1 a 1 no tempo normal.


Este jogo você acompanha na DePrima, com a narração de Pedro Martelli, comentários de Guilherme Morais, e reportagens de Mozart Conceição.

© 2018 WEB RÁDIO DE PRIMA. DESENVOLVIDO POR MVPMOVE

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon
  • Branca Ícone SoundCloud