• Júlia Passafaro

PRÉ-JOGO SANTOS X MIRASSOL


Foto: Ivan Storti/Santos FC


Após uma grande sequência jogando como visitante, o Peixe volta a ser mandante jogando no Pacaembu hoje contra o Mirassol, valendo pela sexta rodada do Campeonato Paulista.


Com a partida da Copa Sul-Americana se aproximando, Sampaoli decide poupar alguns de seus jogadores para a partida de hoje. Everson, contratado a pedido do treinador, tem chance de fazer a sua estreia hoje com a camisa do Santos.


Após perder a vaga por uma má atuação, o lateral esquerdo Orinho também pode voltar ao time. Além dessas duas principais mudanças, o recém contratado Cueva, também ganha uma oportunidade para o jogo de hoje. O jogador assim que chegou já foi regularizado junto ao BID (Boletim Informativo Diário) e em seguida já foi inscrito no Paulistão para ficar à disposição do técnico do Peixe.


Como uma última mudança Arthur Gomes, que foi titular apenas uma vez neste ano, pode ganhar uma segunda chance iniciando a partida.

Provável time do Santos: Everson (Vanderlei); Victor Ferraz, Luiz Felipe, Aguilar, Gustavo Henrique e Orinho; Alison, Diego Pituca, Carlos Sánchez e Jean Mota; Soteldo (Arthur Gomes). Técnico: Sampaoli.


Do outro lado o Mirassol, que vê o rebaixamento cada vez mais próximo. O técnico do Leão propõe mudanças para a partida de hoje. O volante Diego Felipe e Alisson deixaram o clube e para preencher esses dois desfalques, chega um velho conhecido da casa, Zé Roberto.


O jogador teve a sua primeira passagem no Leão na temporada passada, estava atuando pelo futebol da Coréia do Sul. Zé Roberto ainda não foi anunciado, mas o nome do atleta já conta no BID e também na lista de inscritos para disputar o campeonato.


Provável escalação do Mirassol: Tiago Cardoso; Daniel Borges, William Alves, Leandro Amaro e Carlos Renato; Riccieli, Wellington Simião, Yuri e Jean Carlos; Rodolfo e Wilson (Zé Roberto). Técnico: Moisés Egert.


A partida de hoje será transmitida pela De Prima com narração de Victor Luiz, comentários de Morzart Conceição e reportagem por Nino Ciryllo.