• leandrocontato1251

RECORDISTA NOVAK DJOKOVIC.



crédito rede social

Principais recordes de Novak Djokovic.

Para os amantes do esporte, o sérvio Novak Djokovic é uma inspiração para os praticantes da modalidade esportiva, o espírito do atleta move a quebra de recordes e uma geração vitoriosa com muitos títulos e partidas lendárias ao longo de sua carreira, certamente marcado no hall da fama desse esporte.


Além de acumular uma série de títulos na carreira, Novak Djokovic ostenta diversos recordes.

Separamos algumas das principais marcas do tenista sérvio. Confira!

Maior campeão de Grand Slams em simples masculino, ao lado de Roger Federer e Rafael Nadal, com 20 títulos;

Tenista com maior valor recebido em premiações na carreira, com mais de US$ 150 milhões;

Tenista com maior premiação em uma temporada, com US$ 21.592.125 em 2015;

Tenista com mais tempo na liderança do ranking da ATP 3º maior vencedor de Grand Slams entre os homens;

3º maior vencedor de torneios de simples em atividade;

Maior campeão da história do Australian Open, com 9 títulos;

2º maior vencedor do ATP World Tour Finals, com 5 títulos (2008, 2012, 2013, 2014 e 2015); Maior vencedor de torneios ATP Masters 1000, com 36 títulos;

Maior vencedor do ATP Master 1000 de Indian Wells, com 5 títulos (2008, 2011, 2014, 2015 e 2016);

Maior vencedor, junto com Andre Agassi, do ATP Masters 1000 de Miami, com 6 títulos (2007, 2011, 2012, 2014, 2015 e 2016);

Único tenista masculino a conquistar quatro títulos seguidos no ATP World Tour Finals (2012, 2013, 2014 e 2015).

Estatística de títulos até outubro de 2021.

Principal adversário.

Novak Djokovic já foi tido como um algoz de Roger Federer no início de sua carreira, mas a rivalidade entre os dois tenistas ganhou tons mais amenos nos últimos anos. Dos 20 títulos de Grand Slam de Djokovic, quatro foram conquistados com vitórias em finais contra Roger Federer.

O suíço levou a melhor apenas na decisão do US Open de 2007. Desde então, sempre que eles se encontraram na final de um Grand Slam, o título ficou com Djokovic.

A última vitória do sérvio em finais de Grand Slams aconteceu na decisão de Wimbledon em 2019, com o placar de 3 a 2 (7/6, 1-6, 7/6, 4/6 e 13/12), na final mais longa da história do torneio.

Eles voltaram a se encontrar na primeira fase do ATP Finals de 2019, com vitória de Federer por 2 a 0.

Um novo duelo aconteceu na semifinal do Australian Open de 2020. No 50º encontro entre eles, Djokovic venceu por 3 a 0 e avançou à final.

Em toda a história, o sérvio leva pequena vantagem, com 27 vitórias contra 23 do suíço. O djokovic durante anos conquistou muitos títulos e marcas expressivas, que marcou a história da modalidade, o seu desempenho é fruto de talento e trabalho duro todos os dias.


O atleta mostra poder ofensivo em seus saques e grande equilíbrio na defesa, o sérvio atleta de alto rendimento que atraí milhões de admiradores ao redor do mundo.

Veja o perfil do atleta:

Curiosidades de Novak Djokovic

Data de nascimento de Novak Djokovic: 22 de maio de 1987.

Local de nascimento: Belgrado, na Sérvia.

Onde Novak Djokovic mora: Monte Carlo, em Mônaco.

Altura de Novak Djokovic: 1,88m.

Peso de Novak Djokovic: 77kg.

Treinadores de Novak Djokovic: Marian Vajda e Goran Ivanisevic.

Esposa de Novak Djokovic: Jelena Djokovic Ristic (casados desde 10 de julho de 2014).

Filhos de Novak Djokovic: Stefan (nascido em 21 de outubro de 2014) e Tara (nascida em 2 de setembro de 2017).

Certamente quando se aposentar, seu nome estará marcado na história como um dos maiores de sua geração, em termos de títulos, marcas, história e será eternizado na memória do esporte com grandes feitos durante sua carreira.