• Leonardo Cruz

SÓ FALTA O CINTURÃO


Foto: UFC Divulgação

A noite do último sábado, 23/02, foi mágica para o brasileiro Thiago Marreta, além de vencer o polonês Jan Blachowicz com um knockout no início do terceiro round, em luta válida pelo UFC Praga, o lutador também praticamente se garantiu para ser o próximo desafiante ao cinturão da categoria meio-pesado que tem o estadunidense Jon Jones como atual campeão da divisão.


A República Tcheca recebeu pela primeira vez uma edição do UFC com a expectativa de proporcionar a sua população grandes lutas para jamais sair da memória dos tchecos. O evento contou com treze combates de altíssimo nível, deste total, sete lutas terminaram com knockout ou finalização.


No card preliminar, os grandes destaques foram as vitórias da canadense Gillian Robertson sobre a venezuelana Veronica Macedo em luta válida pelo peso-mosca. Robertson aproveitou o mal momento da lutadora sul-americana que vinha de duas derrotas consecutivas e conseguiu a finalização no segundo round com um mata-leão.


Em outra luta bem movimentada, válida pelo peso-leve, o mexicano Marco Polo Reyes não resistiu ao talentoso lutador bósnio Damir Harzovic que conseguiu o knockout no segundo round. Com domínio quase que total da luta, “The Bosnian Bomber” como é conhecido Harzovic, levou a disputa para o chão ainda no primeiro round. No segundo, continuou com esta estratégia até que o mexicano, cansado, permitisse que o bósnio aplicasse duros golpes que só parou com a intervenção do árbitro. Esta foi a 13ª vitória de Damir Harzovic em sua carreira e a segunda consecutiva no UFC.


O inglês Chris Fishgold mostrou que jiu-jitsu não é especialidade apenas dos brasileiros, com um mata-leão muito bem encaixado, venceu o sueco Daniel Teymur por finalização no segundo round e conquistou sua 18ª vitória. Este combate foi válido pela categoria peso-pena.


Já no card principal do evento, o estadunidense Gian Villante foi surpreendido pelo polonês Michael Oleksiejczuk com um knockout avassalador nos primeiros instantes do round inicial. Em luta disputada na divisão peso meio-pesado, o polonês deu um gancho no fígado de Villante que não resistiu ao forte impacto e caiu, o árbitro interrompeu a luta imediatamente dando a vitória para Oleksiejczuk.



Foto: Getty Images

No co-evento principal, o holandês Stefan Struve ressurgiu das cinzas após sofrer muito contra o brasileiro Marcos Pezão. No primeiro round, o brasileiro foi para cima do holandês, com golpes contundentes, levou Struve ao chão, mas não conseguiu o knockout, demonstrando grande poder de reação, Skyscraper conseguiu derrubar o brasileiro no segundo round, com grande talento, Struve conseguiu aplicar um katagatame, que é um estrangulamento utilizado no jiu-jitsu e no judô, obrigando pezão a bater em desistência. Após a luta, o holandês anunciou sua aposentadoria do mundo das lutas.



Foto: UFC Divulgação

Na luta mais aguardada da noite, o brasileiro Thiago Marreta fez valer seu apelido e precisou de dois cruzados para derrubar o polonês Jan Blachowicz e conquistar sua 21ª vitória na carreira.


Nos dois primeiros rounds, a luta foi muito disputada, ambos lutadores utilizaram chutes para tentar surpreender, mas sempre com muita cautela para não dar espaço ao adversário. Aos poucos, alguns golpes mais contundentes foram aplicados dos dois lados, em um desses golpes, Marreta sofreu um pequeno corte do lado direito do rosto, pouco abaixo do olho. O polonês tentava tomar conta do centro do octógono, mas o brasileiro que sentiu mal estar antes da luta, resistia a tentativa de pressão. Em um grande momento no final do segundo round, Marreta tentou sem sucesso acertar Jan com um golpe de capoeira que levantou o público.


Com o início do terceiro round, Blachowicz tentou acertar um número de golpes maior em Marreta com o objetivo de terminar logo o combate, mas em uma dessas tentativas, o brasileiro conseguiu o contra-ataque com dois cruzados no queixo, levando o polonês para o chão, Marreta foi para cima e desferiu diversos socos até que o árbitro, Herb Dean, interrompesse a luta.


Thiago Marreta entrou para a história ao conseguir seu 11º knockout na maior competição de MMA do mundo, igualando as marcas de Anderson Silva e Anthony Johnson. Agora o brasileiro quer conquistar o sonhado cinturão da sua categoria e para isso, precisará derrotar o vencedor da luta entre o temido e favorito Jon Jones, dono do cinturão, e Anthony Smith que irão lutar no início de março no UFC 235.


Demais resultados do UFC Praga:


Card Principal:


Liz Carmouche venceu Lucie Pudilova por decisão unânime;

Petr Yan venceu John Dodson por decisão unânime;

Magomed Ankalaev venceu Klidson Abreu por decisão unânime.


Card Preliminar:


Dwight Grant venceu Carlo Pedersoli por knockout no 1º round;

Ismail Naurdiev venceu Michel Trator por decisão unânime;

Carlos Diego Ferreira venceu Rustam Khabilov por decisão unânime;

Damir Ismagulov venceu Joel Alvarez por decisão unânime.

© 2018 WEB RÁDIO DE PRIMA. DESENVOLVIDO POR MVPMOVE

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon
  • Branca Ícone SoundCloud