SAMPAOLI PEDE O IMPOSSÍVEL E CHUTA O BALDE. FESTA NO RIVAL!


Sampaoli deseja treinar um time mais rico. Foto: Santos/Divulgação

O Santos anunciou, na noite dessa terça (10), o que todos já esperavam. Jorge Sampaoli pediu demissão e não continua no clube para 2020, após uma reunião tensa com o presidente Peres. Segundo a ESPN, durante a conversa, o argentino chegou a chamar o santista de “mentiroso” e pediu as contas. Estrategicamente, o peixe revelou o caso 20 minutos antes das 00h, já que, no dia de hoje, a multa de R$10 milhões prevista para a saída do treinador se encerraria.


Soteldo, Cueva, Aguilar... Mesmo com o maior investimento feito pelo Santos na sua história, Sampaoli não se satisfez. O elenco mediano, que se formou com a ajuda de jogadores emprestados, fez com que o treinador exigisse cerca de R$100 milhões em contratações para continuar no cargo, após a surpreendente conquista do vice-campeonato brasileiro. Peres, desesperado, até consultou algumas empresas em busca de parceria. Mas nada adiantou.


Agora o otimismo chega na capital. O Palmeiras, após um ano fraco com treinadores considerados defensivos (Felipão e Mano Menezes), busca um técnico com características ofensivas para bater de frente com o Flamengo de Jorge Jesus. Mesmo assustado com o salário pedido para Jorge e sua comissão técnica (cerca de R$1,6 milhões), o presidente Galliote não pensa em outro nome a não ser o do argentino e está disposto a contrata-lo nos próximos dias.


Para envolver o técnico, o Palestra disfruta de uma boa condição financeira e patrocinador forte, situação totalmente inversa à da Vila Belmiro. Apesar das iminentes saídas de ao menos 10 jogadores, o elenco vai se manter farto e com boas opções. Caso escolha o Palmeiras, Sampaoli talvez não precisará dos R$100 milhões para formar um time. E assim terá dinheiro e autonomia para realizar contratações pontuais e impactantes.


Já o Santos se volta ao mercado atrás de alguém parecido com seu ex-técnico. Segundo informações, o jovem treinador argentino Sebastián Beccacece, de 38 anos, é um dos cogitados para assumir o time da Vila. Ele já foi auxiliar de Sampaoli e atualmente está desempregado.