• Victor Luís

SEMIFINAIS DO PAULISTÃO: ANÁLISE, PALPITES E NOVIDADES

Ainda não temos uma definição da final do Campeonato Paulista, os dois primeiros jogos das semifinais foram muito disputados, mas Palmeiras e Corinthians largaram alguns segundos na frente de seus rivais.


Foto: Reprodução

Palmeiras x São Paulo:


O primeiro jogo no Morumbi terminou empatado em 0 a 0. Foi possível observar um excelente primeiro tempo, muito equilibrado com chances reais de gols para os dois lados. Na segunda etapa o ritmo caiu, e os clubes arriscaram menos, deixando a decisão para domingo (7), no Allianz Parque.


Pelo lado Tricolor Pablo é dúvida, atacante sente dores na panturrilha, mas inicialmente deverá ser relacionado, caso não tenha condição de jogo seu substituto deverá ser Gonzalo Carneiro. Everton deve voltar ao time titular na vaga de Everton Felipe, atitude que já tem o dedo do técnico Cuca, que fará sua reestreia pelo clube do Morumbi.


No Verdão, Gustavo Scarpa e Ricardo Goulart que foram desfalques na Argentina jogarão o Choque-Rei. O Palmeiras é favorito para domingo, conseguiu um bom empate no Morumbi e deve pressionar o São Paulo diante de seus torcedores.


Desde o início da temporada, esse é o melhor momento que o Tricolor poderia visitar o Palmeiras, se a partida fosse disputada dois meses atrás, seria um massacre alviverde, não pelo pobre futebol que Felipão proporciona aos torcedores, mas com André jardine o São Paulo simplesmente não existia!


Diferentemente dos vexames anteriores do Tricolor Paulista no Allianz Parque, creio em um jogo disputado, a classificação não sairá barata para nenhum dos lados.


Palpite: Palmeiras


Santos x Corinthians:


A primeira partida disputada na Arena Corinthians terminou com vitória do Timão, 2 a 1. Os dois clubes jogaram pela Copa do Brasil no meio de semana, ambos perderam seus jogos, dando impressão de estarem totalmente focados para o confronto de segunda-feira (8), no Pacaembu.


Manoel é dúvida, zagueiro sofreu uma luxação no ombro esquerdo e será avaliado. Já Gustavo Henrique, conseguiu efeito suspensivo pelo STJD e jogará o clássico (assim como Moisés do Palmeiras).


Os ingressos foram esgotados, o torcedor comprou a ideia de Sampaoli desde janeiro, e devemos acompanhar um Santos agressivo e com muitas movimentações, principalmente nos primeiros 20 minutos, contra um Corinthians cauteloso, buscando um contragolpe e jogando no erro do adversário, até pela sua pequena vantagem.


Palpite: Corinthians nos pênaltis