• Leonardo Cruz

VITÓRIA NA RAÇA PARA DAR MORAL NO BRASILEIRÃO


Foto: Daniel Augusto / Ag. Corinthians

O Corinthians venceu o Vasco na manhã deste domingo (29/09), pelo placar de 1x0 em partida válida pelo Campeonato Brasileiro. O jogo foi realizado em Itaquera, localizado na capital paulista.


Durante a primeira etapa, o Corinthians demonstrou muita dificuldade para criar suas jogadas ofensivas, no início até tentou pressionar o Vasco, mas o alto número de erros de passes prejudicava as investidas dos paulistas. Em contrapartida, os cariocas, bem postados no campo defensivo, saíam para os contra-ataques sempre com muita velocidade para tentar surpreender os donos da casa.


Logo aos 9 minutos o VAR começou a entrar em ação, Sornoza cobrou falta dentro da área e Ribamar desviou contra o próprio gol, imediatamente o árbitro anulou alegando falta de Manoel em Fernando Miguel, ação confirmada pela arbitragem de vídeo. Aos 23 minutos aconteceu a melhor oportunidade do Corinthians, Pedrinho recebeu lançamento dentro da área, abriu espaço e finalizou para boa defesa do goleiro vascaíno.


Com o passar do tempo, o jogo ficou muito disputado no meio-campo, as equipes tinham dificuldades para conseguir criar boas jogadas, aos 37 minutos, o Vasco teve seu melhor momento na etapa inicial, após erro de Manoel, Ribamar invadiu a área e finalizou com força, mas pra fora do gol de Cássio.


No retorno para o segundo tempo, Fábio Carille colocou Jádson, buscando ter melhor qualidade na saída de bola e no passe, mas quem assustou foi o Vasco, aos 5 minutos, Werley aproveitou cruzamento de Danilo Barcelos e finalizou para o gol que inicialmente foi validado pelo árbitro, mas após revisão do VAR, foi constatado impedimento do atleta vascaíno.


Após a anulação do gol do cruzmaltino, a torcida do Corinthians se empolgou na Arena, empurrando o Timão para frente, aos 13 minutos, em boa trama do ataque dos paulistas, Pedrinho cruzou na área, a bola foi rebatida pela defesa e sobrou para Ralf que encontrou Boselli em boa situação, o centroavante tocou novamente para o camisa 15 que acertou um forte chute no canto de Fernando Miguel. Com o gol, os donos da casa ganharam mais confiança e melhoraram na partida.


Já o Vasco, que precisava de qualquer jeito de pelo menos um empate em Itaquera, partiu para o ataque, na metade final da segunda etapa, o técnico Vanderlei Luxemburgo fez substituições ofensivas, buscando anular as ações do Corinthians para conseguir seu gol. A partir deste instante o jogo ganhou em velocidade e emoção. Aos 35 minutos, Ralf tentou tirar a bola da área defensiva, mas por um imenso azar, desviou em Clayton e voltou contra o próprio gol, Cássio extremamente atento, fez grande defesa. Seis minutos depois, em rápido contra ataque, Pedrinho cruzou para Gustavo que parou no goleiro vascaíno, no rebote, o camisa 19 chutou mal e a bola saiu ao lado do gol do Vasco.


Já nos minutos finais, o time de São Januário teve duas boas chances, na primeira, a bola sobrou dentro da área para o meia Marquinho que finalizou de bicicleta para boa defesa do arqueiro Cássio. Pouco tempo depois, após vacilo da defesa do Corinthians, Clayton ficou na cara do gol, mas o goleiro dos paulistas salvou a pátria com uma defesa espetacular. No minuto seguinte, Jádson recebeu passe de Mateus Vital e arriscou de fora da área, após desvio no defensor vascaíno, a bola morreu nas redes do time carioca, mas a equipe do VAR detectou impedimento de Vital, anulando o gol do camisa 10 do Timão.


Com a vitória, o Corinthians alcançou a quarta colocação no Brasileirão com 38 pontos e um jogo a menos que será realizado na próxima quarta-feira (02/10), contra a Chapecoense na Arena Condá. Já o Vasco, permaneceu na décima terceira colocação com 24 pontos e jogará contra o Santos, em São Januário na 23ª rodada do campeonato nacional.